Carrier lança sistema de purificação de ar portátil que promete eliminar bactérias e vírus, como o coronavírus

A Carrier lança o mais novo sistema de purificação de ar portátil, o SafeAir.  Segundo informa a empresa,  “o modelo é capaz de remover do ar filtrado quase 100% das partículas capazes de transportar patógenos como a Covid-19, graças a utilização do filtro hepa. “O SafeAir traz tecnologias que garantem a efetividade na purificação dos ambientes, além de converter, por exemplo, leitos de hospitais em leitos de isolamento infeccioso aerotransportado de pressão negativa (AIIR), uma vez que captura partículas de tamanho a partir de 0,3 microns, eliminando do ar vírus e bactérias”, informa a diretora de Marketing da Midea Carrier no Brasil, Simone de Camargo. Ela acrescenta que “com a pandemia e as novas adaptações na rotina, surge o receio de estar em um ambiente fechado e contaminado pela covid-19″. O lançamento da Carrier promete a melhora da qualidade do ar e previne a disseminação de doenças em um ambiente fechado e com pouca circulação de ar. “O SafeAir garante um ambiente saudável, perfeito para escritórios, salas de aula, restaurantes, hospitais e pequenos comércios entre outros locais, por isso estamos muito otimistas com o novo sistema de purificação do ar a e em anunciar essa novidade ao mercado.”, afirma Simone.

Simples e Prático – Com um painel de simples operação e três modos de velocidades, basta ligar o SafeAir à tomada para que o produto comece a aspirar o ar e devolvê-lo muito mais limpo ao ambiente. O modelo é portátil e pode ser facilmente instalado em diferentes locais. O produto pode operar por até 40.000h, atendendo aos requisitos da norma ASHRAE 170 de filtragem de ar de ambientes hospitalares. Ainda: o SafeAir foi recentemente testado pela Conforlab Engenharia Ambiental, laboratório acreditado junto à CGCRE – Coordenação Geral de Acreditação do Inmetro na norma NBR ISO/IEC 17025:2017 para análise do ar climatizado, conforme Resolução-RE nº 09 da ANVISA, de 16 de janeiro de 2003. De acordo com o seu coordenador, Robson Petroni, e também responsável pelo departamento de Serviços Especiais, que desenvolve os projetos de avaliação de eficácia de tecnologias, “o interesse em assuntos relacionados a qualidade do ar em ambientes internos cresceu muito em função da pandemia da Covid-19, e com isso há uma grande oferta de tecnologias que prometem tratar o ar. Neste contexto, os testes de avaliação de eficácia dessas tecnologias ganham ainda mais importância, pois estes testes geram umas evidências científicas de que as tecnologias realmente cumprem o papel para o qual foram desenvolvidas. A Conforlab, como referência em análises da qualidade do ar em ambientes internos, usou seu know-how e normas internacionais para o desenvolvimento dos protocolos adequados dos testes de eficácia da tecnologia SafeAir da Carrier”, diz.

Funcionamento:

•                    SafeAir tem regulagem de até três velocidades e adapta-se à muitos ambientes;

•                    Com um painel de simples operação, basta ligá-lo à tomada para que o produto comece a aspirar o ar e o retorne ao ambiente muito mais limpo ao ambiente.

•                    O modelo puxa o ar da área ao redor, que passa por dentro de uma série de filtros, que removem partículas carregadas de agentes patógenos. Assim, o ar completamente filtrado é expelido para o ambiente.

•                    Remove do ar filtrado mais de 99,97% das partículas capazes de transportar patógenos como o covid-19.

•                    A unidade de purificação de ar é um sistema de filtragem portátil que dispensa o uso de dutos.

•                    De pequenas dimensões (AxLxP – 133x59x53cm) e dotado de rodízios, o  SafeAir é versátil, pois permite seu deslocamento para vários ambientes.

•                    Disponível nas versões 127 e 220V.

•                    Com filtro HEPA, aprisiona partículas a partir de 0,3 microns. A ativação de uma luz no painel informa quando chegou a hora de substituir o filtro, do SafeAir, garantindo eficiência.

•                    Capacidade: Com vazões de 850, 1750 e 2550m³/h pode operar por até 40.000h, atendendo aos requisitos da norma ASHRAE 170 de filtragem de ar de ambientes hospitalares.

 

COMPARTILHE