ONU e Ashrae atualizam informações sobre fluidos refrigerantes

Publicado em 13 de agosto de 2019

A Associação Americana de Engenheiros de Aquecimento, Refrigeração e Ar Condicionado (Ashrae, em inglês) e o Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (Pnuma) e  publicaram nova informação técnica para atualizar o setor sobre os fluidos refrigerantes introduzidos no mercado nos últimos anos, seus números “R” e classificações de segurança.

O novo informe apresenta as substâncias aprovadas pela Ashrae desde 2010, lista que possui muitas hidrofluorolefinas (HFOs) puras e misturas entre hidrofluorcarbonos (HFCs) e HFOs.

O documento explica o sistema de numeração de fluidos frigoríficos estabelecido pela norma Ansi/Ashrae 34, que oferece uma forma simples de identificá-los, e não há necessidade de usar o nome químico, fórmula ou nome comercial.

A Ashrae explica: “Para compostos puros, os números são baseados na fórmula química. Para misturas, os números são atribuídos sequencialmente com base na conclusão de uma revisão satisfatória dos dados fornecidos por seus fabricantes”.

Os refrigerantes homologados são listados com a letra “R” seguida pelo número atribuído pela Ashrae (R-22, por exemplo). Isômeros (molécula com a mesma fórmula química que outra molécula, mas com uma estrutura química diferente) são identificados com uma letra minúscula após seu número (R-134a, por exemplo).

Novo informativo técnico para indústria de refrigeração e ar condicionado sobre novos gases refrigerantes.

Misturas de refrigerantes com os mesmos componentes puros, mas com composições diferentes, são identificadas com uma letra maiúscula após o número (R-401A e R-401B, por exemplo).

Os refrigerantes da série R-400 são considerados zeotrópicos (misturas de dois ou mais refrigerantes cuja fase líquida e fase de vapor têm sempre composição diferente), enquanto os da série R-500 são azeotrópicos (misturas de refrigerantes cuja fase líquida e fase de vapor têm as mesmas composições a uma pressão específica).

Além disso, o Standard 34 estabelece uma classificação de segurança com base na toxicidade e inflamabilidade informadas pelos fabricantes desses produtos químicos.

Para saber mais informações sobre o assunto, o Update on New Refrigerants Designations and Safety Classifications pode ser baixado aqui.

COMPARTILHE