Regular a temperatura da geladeira doméstica garante bom desempenho

Com o distanciamento social, houve uma tendência da população acondicionar um volume maior de alimentos.

A necessidade de ir com menos frequência ao supermercado fez com que os estoques de alimentos aumentassem no refrigerador. Alguns cuidados simples ajudam a manter o equipamento em bom funcionamento e os alimentos em boas condições para o consumo.

Uma das dicas é deixar a geladeira ou o freezer na temperatura correta. Para regular a temperatura da geladeira doméstica e freezer, é necessário ativar entre 4 a 5 º C.Um cuidado importante é procurar deixar livre um caminho para circulação do ar internamente no congelador. Desta forma, garante que todos os alimentos fiquem à mesma temperatura. Além disso, deve-se evitar abrir e fechar a porta com muita frequência. O diretor técnico da ASBRAV, engenheiro, Ricardo Albert, salienta também a importância de fazer a higienização interna.

se não houver degelo automático logo que formar gelo (cerca de 1cm) o evaporador deve ser degelado
Os problemas mais encontrados são a obstrução do condensador (serpentina que fica atrás do aparelho) e/ ou a utilização desta serpentina para secar roupa, o que é altamente não recomendado.

Ainda sobre regular a temperatura da geladeira doméstica, ele afirma: “Alguns tipos de vírus e bactérias têm uma vida longa em baixas temperaturas. Então, é recomendada a desinfecção do resfriador em cada troca de carga ou periodicamente (mensal/trimestral conforme o uso)”, explica.

Além disso, os problemas operacionais mais encontrados são a obstrução do condensador (serpentina que fica atrás do aparelho) e/ ou a utilização desta serpentina para secar roupa, o que é altamente não recomendado. Outra dúvida recorrente é em relação ao degelo.

Desta forma, ele assegura: “Os produtos mais modernos apresentam degelo automático. A formação de gelo, por mais paradoxal que possa ser, forma um isolamento térmico para os produtos atingirem temperaturas menores que zero grau Celsius. Então, se não houver degelo automático logo que formar gelo (cerca de 1cm) o evaporador deve ser degelado”, finaliza o diretor da Asbrav.

COMPARTILHE